Make your own free website on Tripod.com

Eduardo Miranda

Home
poesia
contos
novela
Salve, salve!
 
Aviso aos navegantes: página não é site. Página é mais pessoal que site. E por ser pessoal, é mais livre de "exigências" [ou regras]. De qualquer forma, não me propus a ter uma página pessoal se não fosse para ser exposta na redinha. E uma vez exposta, está sujeita a críticas... Que sejam bem-vindas!

Depois de muitas e frustadas tentativas de iniciar uma publicação eletrônica de literatura e poesia da Casa Pyndahýba, uma e-zine - não é difícil, é? - acabei me desanimando do projeto, que em muito residia só nas cabeças minha e de Arnaldo Xavier. Com a partida de Arnaldo desta para uma melhor, as iniciativas reduziram-se mais do que 50%, pois perderam não só uma motivação, mas o próprio motivo.

Eis que do meu isolamento voluntário (porém profissional) na República da Irlanda, decidi fazer esta página — não um site, reforço! Primeiro me rendera a um blog, depois a um flog, e depois a um segundo blog, ao qual nomeei plog, corruptela de poetry log. Na verdade, queria que esta página fosse a tal da revista eletrônica, até perceber que não conseguiria tocar o projeto sozinho, principalmente em termos técnicos, e para aliviar esta carga técnica, seriam necessários investimentos, que não conseguiria arcar sozinho...

Não há de ser nada! O que não faltam são espaços para a literatura. E, não me importando em ser mais um, lanço aqui também o meu grito, que embora traga só o meu tom, é uma iniciativa e pode ser expandida...

poesia, literarura & afins